Biólogo desmente holandês que afirmou ter nadado com cobra de quase oito metros na Amazônia

O biólogo Henrique, conhecido como “O Biólogo das Cobras”, desmentiu por meio de um vídeo divulgado em seu canal no YouTube um holandês que afirmou ter nadado com uma cobra de 7,92 metros de comprimento e quase 200 quilogramas na floresta amazônica.

+ Com quase 8 metros e 200 kg, maior cobra do mundo é encontrada na floresta amazônica

“O holandês que disse ter nadado com uma nova espécie de sucuri confessou que não foi na Amazônia, mas sim em Bonito (MS) e que não sabe o tamanho da cobra”, afirmou o biólogo.

De acordo com o tabloide britânico “Daily Mail”, o professor Freek Vonk disse que a cobra era tão grossa quanto um pneu de um carro e tinha uma cabeça do tamanho de um ser humano.

“Juntamente com 14 outros cientistas de nove países, descobrimos a maior espécie de cobra do mundo, a anaconda verde”, relatou Vonk.

Assine nossa newsletter:

Inscreva-se nas nossas newsletters e receba as principais notícias do dia em seu e-mail

Os pesquisadores chegaram a batizar a suposta nova espécie de “Eunectes akayima”, que significa anaconda verde do Norte. “A região amazônica está sob forte pressão devido às mudanças climáticas e ao desmatamento contínuo. Mais de um quinto da Amazônia já desapareceu, o que representa mais de 30 vezes a área dos Países Baixos. A sobrevivência destas icônicas cobras gigantes está intimamente ligada à proteção do seu habitat natural”, apontou.

Comentários
você pode gostar também