Confiança do empresário da indústria continua em baixa, segundo pesquisa da FIETO

Confiança do empresário da indústria continua em baixa, segundo pesquisa da FIETO

Índice de confiança do mês de maio permaneceu abaixo dos 50 pontos, o que demonstra falta de confiança do empresário no Tocantins.

O empresário da indústria tocantinense continua com a confiança em baixa neste mês de maio, de acordo com o Índice de Confiança do Empresário Industrial (ICEI) que registrou 41,4 pontos. O valor é bem próximo ao apresentado no mês de abril (41,3), quando a pandemia já impactava a confiança aferida pelo indicador que, naquele mês, teve queda de mais de 20 pontos em relação a janeiro. No cenário nacional, o ICEI do mês de maio ficou em 34,7 pontos. Nos dois cenários, o ICEI permaneceu abaixo da linha divisória de 50 pontos o que, segundo a metodologia da pesquisa, demonstra falta de confiança.

Dois indicadores compõem o ICEI: o de Condições Atuais que registrou 29,5 pontos e o de Expectativas com 47,3 pontos em maio. O resultado do indicador de Condições Atuais mostra uma queda de quase 10 pontos em relação a abril que não foi compensada pelo crescimento das Expectativas de pouco mais de 4 pontos. Em abril, a queda do indicador de Expectativa chegou a 24 pontos em relação ao mês de janeiro, reforçando o impacto da pandemia.

“O cenário econômico é de incerteza por causa da pandemia provocada pelo coronavírus. As indústrias já estão sofrendo com os impactos negativos da doença, o que reduz a confiança do empresário no futuro”, acrescentou o presidente da FIETO, Roberto Pires.

A pesquisa é elaborada pela Federação das Indústrias do Estado do Tocantins com apoio da Confederação Nacional da Indústria (CNI) e está disponível no site www.fieto.com.br link Estudos e Pesquisas, a partir desta sexta-feira, 22/05.

No Tocantins, a pesquisa é feita por meio de respostas das empresas online ou via telefone e contou com uma amostra de 86 indústrias, sendo 58 de pequeno porte e 28 de médio e grande porte. O período de coleta foi de 4 a 13 de maio de 2020.

Serviço: Assessoria de Imprensa FIETO

você pode gostar também