Mulher degolada em ataque terrorista na catedral de Nice

Mulher degolada em ataque terrorista na catedral de Nice

Uma mulher foi degolada durante um atentado terrorista na catedral de Nice.

O assassino gritava “Allah Akbar”.

Outras duas pessoas foram mortas, esfaqueadas: uma mulher e um homem. Há feridos, segundo fontes policiais do jornal Le Monde.

Leia também:

  • bullet

    Presidente da Turquia pede boicote a produtos da França

  • bullet

    Mario Sabino: dor de escola

  • bullet

    França concede maior honraria do país a professor decapitado por terrorista islâmico

  • bullet

    França em choque: professor que mostrou caricaturas de Maomé é decapitado

  • bullet

    Ataque em Paris foi ‘ato de terrorismo islâmico’, diz ministro do Interior

O autor do atentado foi baleado por policiais e levado para o hospital. De acordo com o prefeito de Nice, trata-se do vigia da catedral. O caso está sendo tratado como ato terrorista.

O atentado ocorre treze dias depois que o professor Samuel Paty, que mostrou em sala de aula a charge do Charlie Hebdo, foi decapitado por um terrorista islâmico. Nice foi alvo de um atentado monstruoso em 14 de julho de 2016, quando um terrorista matou 87 pessoas que assistiam à queima de fogos na avenida beira-mar da cidade, em comemoração da data nacional francesa.

O prefeito de Nice comentou: “Estou na praça com a polícia que interpelou o autor do ataque. Tudo leva a crer que foi um atentado no interior da Catedral de Nossa Senhora de Nice”.

Atualização: dissemos inicialmente que a mulher atacada havia sido decapitada, em vez de degolada.

você pode gostar também