Irmão do presidente da CVM é preso pela Polícia Federal Operador financeiro, ele ajudou a sangrar o Postalis Por Gabriel Mascarenhas access_time 12 abr 2018, 19h43 – Publicado em 12 abr 2018, 19h27 more_horiz Polícia Federal Polícia Federal durante uma operação para desarticular três grupos criminosos especializados no comércio irregular de anabolizantes – 23/06/2017 (Rovena Rosa/Agência Brasil) Um dos presos pela Polícia Federal na Operação Rizoma, Henrique Santos Barbosa tem pedigree. Ele é irmão do presidente da CVM, Marcelo Santos Barbosa. Ligado ao empresário Arthur Pinheiro Machado, Henrique atuava como operador financeiro do esquema no Postalis, um dos fundos de pensão que a quadrilha sangrava. O irmão do presidente da CVM não mexia com coisa pequena. Os investigadores identificaram que uma empresa de Arthur Pinheiro Machado registrou cerca de 3 milhões de reais em movimentações financeiras suspeitas.


Irmão do presidente da CVM é preso pela Polícia Federal
Operador financeiro, ele ajudou a sae_horiz

Polícia Federal durante uma operação para desarticular três grupos criminosos especializados no comércio irregular de anabolizantes – 23/06/2017 (Rovena Rosa/Agência Brasil)

Um dos presos pela Polícia Federal na Operação Rizoma, Henrique Santos Barbosa tem pedigree. Ele é irmão do presidente da CVM, Marcelo Santos Barbosa.

Ligado ao empresário Arthur Pinheiro Machado, Henrique atuava como operador financeiro do esquema no Postalis, um dos fundos de pensão que a quadrilha sangrava.

O irmão do presidente da CVM não mexia com coisa pequena. Os investigadores identificaram que uma empresa de Arthur Pinheiro Machado registrou cerca de 3 milhões de reais em movimentações financeiras suspeitas.Por Gabriel Mascarenhas
access_time12 abr 2018, 19h43 – Publicado em 12 abr 2018, 19h27
more_horiz

Polícia Federal durante uma operação para desarticular três grupos criminosos especializados no comércio irregular de anabolizantes – 23/06/2017 (Rovena Rosa/Agência Brasil)

Um dos presos pela Polícia Federal na Operação Rizoma, Henrique Santos Barbosa tem pedigree. Ele é irmão do presidente da CVM, Marcelo Santos Barbosa.

Ligado ao empresário Arthur Pinheiro Machado, Henrique atuava como operador financeiro do esquema no Postalis, um dos fundos de pensão que a quadrilha sangrava.

O irmão do presidente da CVM não mexia com coisa pequena. Os investigadores identificaram que uma empresa de Arthur Pinheiro Machado registrou cerca de 3 milhões de reais em movimentações financeiras suspeitas.

você pode gostar também