VEREADOR ASSASSINO- Vereador suspeito no caso Marielle possuía 410 mil em dinheiro Em espécie

Vereador suspeito no caso Marielle possuía 410 mil em dinheiro
Em espécie
Por Gabriel Mascarenhas
access_time13 maio 2018, 13h00more_horiz
O vereador Marcello Siciliano participa de uma coletiva de imprensa no Rio de Janeiro. Siciliano foi acusado por um testemunho não identificado de envolvimento no assassinato da ativista Marielle Franco, uma alegação que ele nega – 09/05/2018 (Carl de Souza/AFP)

Suspeito de ser o mandante do assassinato de Marielle Franco, o vereador Marcelo Siciliano declarou ao TSE nas últimas eleições que possuía 410 000 reais em dinheiro vivo.

Esta e outras notas com informações exclusivas na edição de Veja desta semana, já nas bancas.

você pode gostar também